Guia de Compra: Os 7 Melhores Ventiladores de Mesa em 2024!

Pesquisando o melhor ventilador de mesa em 2024, e está difícil de encontrar um modelo para aliviar o calor?

Isso é bastante comum. Mesmo sendo um eletro de primeira necessidade no Brasil, muitas pessoas ainda têm dificuldades de fazer a escolha, principalmente pela variedade de opções.

Por isso o Guia do Eletro vai te ajudar nessa missão!

Te mostramos agora os ventiladores de mesa mais indicados em 2024, divididos em 3 categorias:

  • Custo Benefício: Modelos que custam entre R$ 150 e R$ 250 em média;
  • Tops de Linha: Modelos que custam a partir de R$ 250 em média;
  • Bons e Baratos: Modelos que custam até R$ 150 em média.

O Melhor Ventilador de Mesa em 2024 por Categoria

DetalhesModeloAvaliaçãoOnde ComprarVazão de ArConsumoPesoTamanho
(Hélice/Grade)
Arno
VEF49 40cm
Melhor Ventilador de Mesa no geral1,41 m³/s3,84 kWh/mês4,1 kg40 cm
49 cm
Philco
PVT400 40cm
2º lugar
Custo Benefício
1,05 m³/s3,1 kWh/mês3,25 kg40 cm
47 cm
Britânia
BVT405 40cm
3º lugar
Custo Benefício
1,16 m³/s3,0 kWh/mês2,89 kg40 cm
48 cm
Mondial
VTX40 40cm
Melhor
Top de Linha
1,28 m³/s4,0 kWh/mês3,20 kg40 cm
49 cm
Arno
VD50 50cm
2º lugar
Tops de Linha
1,41 m³/s3,84 kWh/mês3,53 kg50 cm
57 cm
Ventisol
Turbo 6 50cm
3º lugar
Tops de Linha
0,90 m³/s2,62 kWh/mês2,50 kg50 cm
51 cm
Ventisol
VSP30 30cm
Melhor
Bom e Barato
0,79 m³/s1,33 kWh/mês1,60 kg30 cm
34 cm

Veja Também:

Ventiladores de Mesa com Melhor Custo Benefício

Para iniciar nossa lista, trazemos os melhores ventiladores de mesa em custo benefício, que custam entre R$ 150 e R$ 250 em média.

Eles são os mais indicados se você mora em regiões quentes, e precisa de um modelo eficiente, com boa capacidade de ventilação, e quer algo bem construído por um preço mediano. Vamos a eles:

Tabela Comparativa

Arno VF49Philco PVT400Britânia BVT405
[Celular/Tablet]
Arraste →
Tamanho
(Hélice/Grade)
40 / 49 cm40 / 47 cm40 / 48 cm
Número de Pás666
Vazão de Ar1,41 m³/s1,05 m³/s1,16 m³/s
Consumo Médio
(Inmetro)
3,84 kWh/mês3,1 kWh/mês3,0 kWh/mês
Dimensões
(AxLxP)
65 x 49 x 35,5 cm65,5 x 47,5 x 37 cm61 x 47,5 x 32,5 cm
Peso4,1 kg3,25 kg2,89 kg

1. Arno VF49

Ventilador de mesa 40cm Arno VF49 com 6 pás e grade inteiriça, todo preto com base quadrada

Nossa Avaliação
🏆 Melhor Ventilador de Mesa 🏆

Ficha Técnica:

Tamanho (Hélice/Grade)40 / 49 cm
Número de Pás6
Vazão de Ar1,41 m³/s
Consumo Médio (Inmetro)3,84 kWh/mês
Dimensões (A x L x P)65 x 49 x 35,5 cm
Peso4,1 kg

Prós e Diferenciais

O Ventilador de Mesa Arno VF49 é um dos ventiladores mais vendidos do Brasil, porque junta duas características fundamentais: potência e silêncio. Ele possui uma estrutura chamada de “Power Zone”, que simula uma turbina de avião e concentra o vento, o fazendo ter vazão de ar de 1,41 m³/s.

Essa vazão é uma das maiores dos modelos de mesa, o que o faz uma ótima opção para ambientes grandes. O grande diferencial é que, mesmo na velocidade mais alta, ele produz baixo ruído, o que é muito bom se você é pouco tolerante a barulho.

Esse Arno também é muito bem construído, com materiais de ótima qualidade, que garantem durabilidade e robustez. Seus encaixes são firmes, e seu seletor tem um design simples, mas que facilita o manuseio. Seu design também é bem agradável, o que é um diferencial nessa categoria.

Contras

O Ventilador de Mesa Arno VF49 é o mais pesado dessa lista (4,1 kg), o que acaba dificultando um pouco seu transporte pela casa. Apesar de ter a função “Eco” de economia, ele foi o aparelho de maior consumo nos testes do Inmetro (3,84 kW/h).

Detalhes do VF49

Foco no Arno VEF49 desligado em cima de mesa grande com um rack de TV ao fundo

Para quem é indicado

O Arno VF49 é indicado se você procura um ventilador de mesa silencioso para dormir, e quer o produto com maior capacidade de ventilação e menor ruído com melhor custo benefício atualmente no mercado.

2. Philco PVT400

Ventilador de mesa 40cm Philco PVT400 com 6 pás e grade inteiriça, com grade preta e coluna prata

Nossa Avaliação
🥈 2º Lugar Custo Benefício
🥈

Ficha Técnica

Tamanho (Hélice/Grade)40 / 47 cm
Número de Pás6
Vazão de Ar1,05 m³/s
Consumo Médio (Inmetro)3,1 kWh/mês
Dimensões (A x L x P)65,5 x 47,5 x 37 cm
Peso3,25 kg

Prós e Diferenciais

O Ventilador de Mesa Philco PVT400 é um excelente ventilador em todos os quesitos, por essa razão é um dos mais bem avaliados atualmente. Seu primeiro diferencial é a ótima vazão de ar, de 1,05 m³/s na velocidade máxima, que o torna suficiente para quartos e salas médias.

Além disso, seu acabamento é muito bem-feito, com especial destaque a sua base. Ela é grande e bem grossa, o que dá muita firmeza ao aparelho, que não trepida, mesmo na velocidade máxima. Além disso, seu design também é um diferencial, sendo o modelo mais bonito da categoria custo benefício.

Outro ótimo diferencial do PVT400 é contar com um ionizador em seu motor. Isso faz com que ele libere íons negativos no ambiente, que ajudam a eliminar vírus, bactérias e outros microrganismos nocivos, deixando o ar ambiente mais saudável.

Contras

A presilha que encaixa a grade do Ventilador de Mesa Philco PVT400 a sua base é a única peça frágil, que exige bastante cuidado no manuseio para não rachar. Nas primeiras utilizações ele também pode soltar um cheiro de graxa, mas que vai embora rapidamente.

Detalhes do PVT400

Foco no Philco PVT400 ligado no chão de uma sala com porcelanato branco e sofá ao fundo

Para quem é indicado

O PVT400 é indicado se você busca um ventilador com bom custo benefício, e quer um modelo muito bem acabado, que entregue ótima durabilidade, somado a grande capacidade de ventilação e um bonito design.

3. Britânia BVT405

Ventilador de mesa 40cm Britânia BVT405 com 6 pás e grade inteiriça preta e base retangular estreita

Nossa Avaliação
🥉 3º Lugar Custo Benefício
🥉

Ficha Técnica

Tamanho (Hélice/Grade)40 / 48 cm
Número de Pás6
Vazão de Ar1,16 m³/s
Consumo Médio (Inmetro)3,0 kWh/mês
Dimensões (A x L x P)61 x 47,5 x 32,5 cm
Peso2,89 kg

Prós e Diferenciais

O Ventilador de Mesa Britânia BVT405 se destaca por ser bem leve (2,89 kg), que é muito fácil de transportar, mesmo assim possui construção que garante excelente nível de ventilação, produzindo cerca de 1,16 m³/s. Isso o faz muito bom se você vai mudá-lo de lugar com frequência, ou para levar em viagens.

Outro ponto que faz o BVT405 entregar uma boa experiência de uso é a montagem muito facilitada. Seus encaixes são simples e precisos, o que o deixa ainda mais indicado para quem precisa de algo fácil de carregar.

A variação entre as suas 3 velocidades é muito boa, o que facilita achar a intensidade de vento que mais te agrada. Além disso, ele é o modelo da categoria custo benefício mais econômico segundo o Inmetro, com consumo médio de 3,0 kWh/mês.

Contras

O botão de seleção de velocidades não fica localizado na base, e sim na coluna do ventilador, o que acaba dificultando o manuseio do produto no chão. Além disso, o cabo de energia do Ventilador de Mesa Britânia BVT405 é bem curto, o que pode exigir o uso de extensões.

Detalhes do BVT405

Foco no Britânia BVT405 ligado em cima de cama

Para quem é indicado

O Britânia BVT405 é indicado se você deseja um ventilador de mesa versátil, e quer um modelo com excelente custo benefício, principalmente se precisa de algo forte, mas que seja portátil e fácil de montar, facilitando o deslocamento e transporte.

Ventiladores de Mesa Tops de Linha

Chegamos aos melhores ventiladores da categoria premium, que partem de R$ 250 em média.

Eles são os mais indicados se você é um consumidor exigente, que deseja um ventilador muito bem equilibrado, que una potência e silêncio a uma ótima qualidade de construção e recursos diferenciados. Vamos a eles:

Tabela Comparativa

Mondial VTXArno VD50Ventisol Turbo 6
[Celular/Tablet]
Arraste →
Tamanho
(Hélice/Grade)
40 / 49 cm50 / 57 cm50 / 51 cm
Número de Pás866
Vazão de Ar1,28 m³/s1,41 m³/s0,90 m³/s
Consumo Médio
(Inmetro)
4,0 kWh/mês3,84 kWh/mês2,62 kWh/mês
Dimensões
(AxLxP)
67,5 x 35,4 x 49,5 cm66,4 x 37,4 x 56,9 cm68 x 52 x 36 cm
Peso3,20 kg3,53 kg2,50 kg

4. Mondial VTX

Ventilador de mesa 40cm Mondial VTX com 8 pás e grade inteiriça preta e coluna prateada

Nossa Avaliação
🏆 Melhor Top de Linha 🏆

Ficha Técnica

Tamanho (Hélice/Grade)40 / 49 cm
Número de Pás8
Vazão de Ar1,28 m³/s
Consumo Médio (Inmetro)4,0 kWh/mês
Dimensões (A x L x P)67,5 x 35,4 x 49,5 cm
Peso3,20 kg

Prós e Diferenciais

O Ventilador de Mesa Mondial VTX é um dos mais vendidos da Mondial atualmente, e uma excelente opção se você deseja algo com recursos diferenciados. Isso porque ele conta com a função de repelente. Através de um compartimento na sua base, você pode incluir um refil de repelente líquido comum, que vende no mercado.

Após isso, o ventilador também vai funcionar como inibidor de mosquitos. Essa função realmente funciona, e é muito útil se você mora em regiões infestadas, ou com surtos de doenças como dengue ou zika.

Além disso, esse Mondial tem ventilação bem forte, de 1,28 m³/s na velocidade máxima, o que o faz suficiente para cômodos médios e grandes. Seu acabamento é caprichado, sendo um produto robusto e durável, e sua montagem é bem simples, somente por encaixes.

Contras

O VTX produz um nível de ruído maior na velocidade mais alta, o que acaba sendo um porém se você tem aversão a barulho. Ele também é o modelo que mais gasta energia dessa lista segundo o Inmetro (4,0 kWh/mês).

Detalhes do VTX

Foco no Mondial VTX desligado em cima de mesa, com ajuste vertical ajustado para cima

Para quem é indicado

O Ventilador de Mesa Mondial VTX é indicado se você procura um ventilador 40cm, e quer ter um produto 2 em 1, com excelente ventilação, ótimo acabamento e que também funcione como repelente, afastando mosquitos que incomodam e podem trazer doenças.

5. Arno VD50

Ventilador de mesa 50cm Arno VD50 com 6 pás e grade inteiriça preta, base larga e retangular e botão lateral

Nossa Avaliação
🥈 2º Lugar Tops de Linha
🥈

Ficha Técnica

Tamanho (Hélice/Grade)50 / 57 cm
Número de Pás6
Vazão de Ar1,41 m³/s
Consumo Médio (Inmetro)3,84 kWh/mês
Dimensões (A x L x P)66,4 x 37,4 x 56,9 cm
Peso3,53 kg

Prós e Diferenciais

O Ventilador de Mesa Arno VD50 é o “irmão mais velho” do VEF49, já que possui pás de 50cm. Ele possui a mesma vazão do VEF49, de 1,41 m³/s, que o faz produzir um “tornado” em casa, porém, por ter pás maiores, a coluna de vento que ele produz também se expande.

Por isso, ele é muito útil em ambientes maiores, como salas amplas, já que cada rajada vai ocupar mais espaço. Isso também o faz muito bom para casas com mais pessoas, onde existe mais circulação durante o dia.

Outro ponto diferencial do VD50 é sua montagem muito prática. A sua coluna desmonta da base através de um encaixe, o que facilita sua limpeza e o transporte, mesmo ele sendo bem grande. Seu acabamento mantém a qualidade Arno, sendo muito bem finalizado, sem rebarbas e com encaixes precisos.

Contras

O botão de seleção de velocidades do VD50 está localizado na lateral da coluna, o que acaba não sendo muito prático. Além disso, como ele é todo encaixado, se você levantá-lo só pela turbina ele sempre vai desencaixar, o que exige que você o transporte desmontado ou pela base.

Detalhes do VD50

Foco no Arno VD50 visto de lado desligado em cima de escrivaninha com sua caixa ao fundo

Para quem é indicado

O Ventilador de Mesa Arno VD50 é indicado se você busca um ventilador de mesa 50 cm, e quer um aparelho com alta capacidade de ventilação, acabamento e design diferenciados, e que seja ideal para os cômodos grandes da casa, com elevada circulação de pessoas.

6. Ventisol Turbo 6

Ventilador de mesa 50cm Ventisol Turbo 6 com 6 pás e grade inteiriça preta, base estreita e botão na base

Nossa Avaliação
🥉 3º Lugar Tops de Linha
🥉

Ficha Técnica

Tamanho (Hélice/Grade)50 / 51 cm
Número de Pás6
Vazão de Ar0,90 m³/s
Consumo Médio (Inmetro)2,62 kWh/mês
Dimensões (A x L x P)68 x 52 x 36 cm
Peso2,50 kg

Prós e Diferenciais

O Ventilador de Mesa Ventisol Turbo 6 é um ventilador de mesa que se destaca na relação desempenho de ventilação versus economia de energia. Isso porque, por ter pás de 50cm e grade com design aerodinâmico, ele consegue distribuir muito bem a vazão de ar que produz pelo ambiente, mesmo que seja um cômodo grande.

Mas mesmo possuindo essa capacidade avançada, ele é um dos modelos top de linha mais econômicos do mercado, com gasto médio de apenas 2,62 kWh/mês segundo o Inmetro. Isso o faz uma ótima escolha se você precisa de um aparelho para ficar ligado durante muito tempo.

Além disso, ele é muito bem construído, com materiais de primeira linha. Sua base é bem larga, o que garante estabilidade, e seu botão de velocidade está na parte de cima do motor, o que facilita seu manuseio quando está no chão.

Contras

A diferença de ventilação entre as 3 velocidades do Turbo 6 é baixa, o que faz com que a primeira já gere muito vento, podendo ser ruim se você só deseja uma brisa leve. Na última velocidade ele também acaba gerando um ruído mais alto.

Detalhes do Turbo 6

Ventisol Turbo 6 visto de cima, apoiado em gramado de quintal com sua embalagem ao fundo

Para quem é indicado

O Ventilador de Mesa Ventisol Turbo 6 é indicado se você deseja um ventilador potente, e quer uma versão de mesa que tenha ventilação muito forte no geral, sendo indicado para ambiente grandes com circulação de pessoas, mas que mesmo assim seja econômico no gasto de energia.

Ventiladores de Mesa Bons e Baratos

Para finalizar a análise dos produtos, chegamos aos melhores ventiladores bons e baratos, que custam até R$ 150 em média.

Eles são os indicados para quem não pode ou não quer gastar muito com um ventilador, mas mesmo assim deseja um produto que dê conta de amenizar o calor na maioria das situações, e ainda seja bem-acabado e durável. Vamos ao nosso modelo eleito:

7. Mondial VSP30 30 cm

Ventilador de mesa 30cm Mondial VSP30 com 6 pás e grade inteiriça preta, base estreita e botão na base da coluna

Nossa Avaliação
🏆 Melhor Bom e Barato 🏆

Ficha Técnica

Tamanho (Hélice/Grade)30 / 34 cm
Número de Pás6
Vazão de Ar0,79 m³/s
Consumo Médio (Inmetro)1,33 kWh/mês
Dimensões (A x L x P)51 x 35 x 28 cm
Peso1,60 kg

Prós e Diferenciais

O Ventilador de Mesa Mondial VSP30 é o ventilador da categoria de entrada mais vendido e bem avaliado da atualidade. A primeira razão para isso é sua eficiência na ventilação. Mesmo sendo um modelo com pás menores, de 30cm, ele entrega uma boa vazão, de 0,79 m³/s.

Isso o faz mais que suficiente para quartos e salas pequenas. Suas velocidades são bem ajustadas, sendo que a 1 é de 30 a 40% mais fraca que a 3. O nível de ruído que ele produz é bem aceitável, mesmo na velocidade mais alta, o que o faz ótimo se você não tolera barulho.

O seu acabamento também é muito bom se comparado a seus concorrentes baratos. Ele é bem leve (1,6 kg) e compacto (51 x 35 cm), mas não é frágil. Seus plásticos são bons, e os encaixes muito bem-feitos, sendo uma boa solução para quem quer algo de baixo custo, mas durável.

Contras

Por ser muito leve, mas bem potente, o VSP30 acaba trepidando, o que pode fazer com que se desloque. Por isso é necessário deixá-lo sempre em superfícies planas e lisas. Além disso, seu botão de acionamento fica na parte de baixo da coluna, o que dificulta o acionamento se ele estiver no chão.

Detalhes do VSP30

Mondial VSP30 visto de frente ligado, apoiado em um piso de porcelanato branco

Para quem é indicado

O Ventilador de Mesa Mondial VSP30 é indicado se você procura um ventilador de mesa bom e barato, e quer o modelo que entregue a melhor relação entre capacidade de ventilação, acabamento e funcionamento silencioso pelo menor preço possível atualmente.

Aprenda como escolher um bom Ventilador para esse verão!

Os tipos de ventiladores e suas indicações

O ventilador é um dos produtos mais diversificados que existem atualmente. Para o uso residencial e comercial leve existem basicamente 4 tipos:

Ventilador de mesa

Foram os demonstrados nesse post, e são os mais tradicionais, estando presentes na casa das pessoas há muito tempo.

Levam o nome “mesa” porque são muito leves e portáteis, e podem ser colocados em diversas superfícies, sem a necessidade de ficarem presos a um suporte ou local fixo.

São indicados justamente para quem deseja um produto portátil, que possa ser movimentado com facilidade e colocado em qualquer ambiente. Se destinam principalmente para o uso residencial, mas podem servir também para estabelecimentos comerciais com fluxo de pessoas pequeno.

Ventilador de Coluna

De maneira geral, possuem a mesma capacidade de geração de vento que as versões de mesa, porém presos a um pedestal.

Sua principal vantagem é o fato de poderem ser posicionados na altura dos ombros, fazendo com que a coluna de ar fique mais próxima da cabeça e braços, locais onde temos maior sensação de calor.

Esse tipo de ventilador é o ideal para você? Então confira nossa análise dos melhores ventiladores de coluna da atualidade!

Ventilador de teto

No Brasil são produtos muito populares devido ao nosso clima tropical, e pelo fato também de serem muito mais baratos que um ar condicionado.

São indicados justamente para quem quer algo mais potente e abrangente, que seja capaz de ventilar um cômodo todo por igual, e não quer gastar mais ou fazer reformas com aparelhos de ar condicionado.

Ventilador de parede

Por fim, temos o segmento que é mais presente em ambientes comerciais. Nessa categoria é comum vermos aparelhos mais “parrudos”, com grades de aço e estrutura metálica.

Essa construção robusta, com motores mais potentes, faz com que no geral as versões de parede produzam uma quantidade maior de vento, o que as torna muito comuns em locais de grande fluxo de pessoas.

Se interessou por esse tipo de aparelho? Então confira nossa análise dos melhores ventiladores de parede!

Veja o que checar na hora da compra do ventilador

Ventiladores, principalmente os de mesa e coluna, costumam ser o tipo de produto que gera bastante controvérsia em campos de review de lojas online. É comum encontrar modelos que metade dos compradores ama, e a outra metade simplesmente odeia.

E isso acontece principalmente pela falta de conhecimento na hora escolha

Existem 3 pontos principais para saber antes de comprar um ventilador:

Vazão de ar

É medida em m³/s, e mostra o quanto de vento um aparelho é capaz de produzir. Aqui a regra é simples, quanto maior, mais capacidade de gerar vento.

Modelos de mesa e coluna eficientes costumam produzir de 0,7 a 1,2 m³/s. Já versões de parede e teto ultrapassam os 2 m³/s.

Mesmo sendo a especificação mais útil, ela também é a mais difícil de encontrar, já que na maioria dos casos só está presente na etiqueta do Inmetro, que não é obrigatória. Por isso, se essa informação não estiver disponível, fique mais atento aos detalhes abaixo.

Potência

A potência é outro indicativo da capacidade de geração de vento. Isso porque, modelos com potência mais fraca normalmente tem motores menos eficientes, que fazem as pás rodarem menos.

Existem casos de aparelhos com potência baixa que são eficientes, e de potência alta, que por algum motivo não tem bom desempenho, mas essas são as exceções.

No caso de ventiladores de mesa e coluna, opte sempre por versões com 50 W ou mais. Já para teto e parede, o ideal é escolher algo com no mínimo 100 W.

Mas lembre-se, quanto mais potência, maior o gasto de energia!

Tamanho das pás

Outra coisa que muitas pessoas simplesmente ignoram na hora de comprar seu produto, e que faz bastante diferença no desempenho: o tamanho das pás (ou hélices).

Modelos com pás pequenas (até 30cm) irão gerar uma coluna de vento mais estreita e direcionada. Eles são indicados para ambientes reduzidos, com pouco fluxo de pessoas.

Já versões de pás maiores (a partir de 40cm) geram uma coluna de vento mais larga, que ocupa uma área abrangente, sendo capazes de refrescar mais pessoas de uma só vez.

O número de pás em um ventilador de mesa

Outro ponto que gera dúvidas na hora da compra de um ventilador: Afinal, quanto mais pás, melhor?

E a resposta é: Depende!

O número de pás é sim um fator importante para a geração de vento, já que aumenta a área de contato com o ar. Mas o fato de ter mais pás não garante que um aparelho será melhor do que o outro.

Isso ainda vai depender de outros fatores, como a potência e a qualidade das peças. Um 4 pás que tenha motor mais forte e estável poderá gerar mais vento do que um 6 pás com motor ineficiente.

Mas no geral, com exceção das versões de teto, é mais interessante adquirir modelos com mais pás, já que são os mais modernos, e contam com as tecnologias atuais dos fabricantes.

Produção de ruído de um ventilador de mesa

Por fim, temos outro motivo que causa a “guerra de opiniões” sobre aparelhos de ventilação: o barulho.

E nesse ponto, realmente, existe o que se discutir. Produtos mais modernos, que possuem o motor e o eixo da hélice lacrados costumam ser mais silenciosos que equipamentos de projeto antigo, onde esse eixo é aberto.

Infelizmente esse segmento ainda não é obrigado a passar pelo teste do Inmetro, que através de uma escala de 1 a 5 mostra quantos decibéis os aparelhos produzem. Mas no geral, os ventiladores de mesa e coluna mais vendidos já possuem a estrutura lacrada que reduz a emissão de ruído.

Se você quer fugir do barulho, evite versões muito baratas (até R$ 50,00 para os de mesa e até R$ 100,00 para os de coluna). Esses modelos normalmente possuem estrutura mais frágil, que começará a trepidar em menos tempo.

Até o próximo post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *